CASA DA MULHER CATARINA DIVULGA INSCRIÇÕES PARA O SEMINÁRIO RED-MENSIONANDO O FEMININO: COALIZÕES E RESPOSTAS

Red-mensionando o feminino

Red-mensionando o feminino

O Seminário Red-mensionando o Feminino: coalizões e respostas é uma proposta da Casa da Mulher Catarina para integrar os movimentos de pessoas trans*, feministas e de prostitutas. Financiado pelo Departamento de DST´s/AIDS/Hepatites do Ministério da Saúde, o encontro será realizado em Florianópolis, entre os dias 24 e 27 de novembro, no Morro das Pedras Parque Hotel. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail: redfeminino@gmail.com, enviando a ficha de inscrição preenchida (ficha-de-inscricao-seminario-redimensionando-o-feminino).

Espera-se a presença de 150 pessoas para discutir abertamente as pautas paralelas dos movimentos feministas, de pessoas trans* e de prostitutas, com o intuito de fortalecer a luta e a solidariedade entre todas as frentes. O objetivo principal é a reflexão e a troca de conhecimentos para aproximar as perspectivas heterogêneas. Um dos debates mais importantes será a regulamentação do trabalho sexual no Brasil e a resposta ao enfrentamento da epidemia de AIDS e das outras IST´s e HV´s. No país, estima-se que em 2015, segundo dados do Ministério da Saúde/DDAHV, a incidência dos casos de AIDS vêm se expandindo entre as mulheres, com prevalência no recorte geracional de adolescentes, jovens e idosas. Durante o encontro, buscaremos confluir ideias para construir estratégias comuns à transformação dessa realidade que impacta a vida e a saúde de grande parcela da população brasileira, nós mulheres.

As discussões podem resultar em novas ideias e acordos e, a partir da produção de um acúmulo coletivo sobre os temas latentes, a fim de derrubar preconceitos, abrindo caminho para a solução das demandas dos movimentos de mulheres.

O encontro assume uma dimensão especial nesta atual conjuntura de retrocessos na política de garantias dos direitos humanos no Brasil e na América Latina;ao se posicionar em prol da promoção de direitos, sobretudo, para a população que se encontra à margem da legislação que protege as trabalhadoras, hoje prestes a serem arrancados de todas as categorias no que maior ataque das últimas décadas.

A inscrição das participantes inclui somente hospedagem e alimentação para os três dias de seminário. Portando, as passagens aéreas e rodoviárias deverão ser custeadas pelas próprias inscritas, mobilizando recursos destinados à política de promoção de direitos humanos e de saúde.

A programação simultânea inclui:

“Transitando”: reunião do colegiado da Rede Feminista de Saúde;

II Workshop da Rede Nacional de Pessoas Trans do Brasil: “Brasil – o país que mais mata pessoas trans* no mundo”;

“Prostituição é trabalho, prostituta é trabalhadora”: debate promovido pela Central Única de Trabalhadoras e Trabalhadores Sexuais (CUTS).

Em breve, divulgaremos mais detalhes sobre a programação que está sendo construída de forma coletiva e horizontal entre as organizações envolvidas.

Serviço:

O quê: Seminário Redimensionando o Feminino:  Coalizões e Respostas

Quando: 24 (quinta-feira) a 27 de novembro (domingo)

Local: R. Manoel Pedro Vieira, 550 – Morro das Pedras, Florianópolis – SC, 88066-100

 

FICHA DE INSCRIÇÃO (ENVIAR PARA O E-MAIL: redfeminino@gmail.com)

ficha-de-inscricao-seminario-redimensionando-o-feminino