Oficina de Arteterapia do Projeto Mulheres & Outras Mulheres na prevenção comove trabalhadoras sexuais em Criciúma

Álbum: https://www.facebook.com/RedeFeministaDeSaude/photos/?tab=album&album_id=710592812427019
Fotos: Juliano Martins

A terceira etapa das Oficinas de Arteterapia e prevenção para prostitutas foi realizada nos dias 17 e 18 de setembro, na cidade de Criciúma, com o envolvimento de 22 mulheres trans* e cisgênero. Kelly Vieira Meira, coordenadora do Projeto Mulheres & Outras Mulheres na Prevenção: um trabalho de intervenção entre profissionais do sexo, destacou as presença de mulheres de diferentes partes do país e a importância da oficina ter sido promovida fora de Florianópolis, suprindo a carência desse tipo de proposta criativa e mobilizadora em cidades médias do estado como Criciúma. Outra marca dessa edição foi o ambiente: no segundo dia, as mulheres reuniram-se ao lado de uma cachoeira. Para a arteterapeuta Sayonara Salum, o contato com a natureza potencializou a experiência coletiva e as discussões, que em geral ocorrem em ambientes fechados. As oficinas do Projeto são inovadoras na escolha de uma abordagem nada usual ou utilitarista para o tema da prevenção, integrando arte, terapia, confraternização, cosmovisões multiculturais e as ideias do Sagrado Feminino, movimento que busca revalorizar as características atribuídas ao feminino e os sentimentos que cada mulher trans* ou cis possui sobre a experiência de ser mulher e como essa percepção transformou-se durante a história da humanidade. Os temas abordados foram: métodos preventivos e novos métodos, a negociação com o cliente para o uso da camisinha masculina e feminina, as identidade de gênero, a autoestima, os feminismos e o combate à lesbotransfobia. Por fim, o Programa Municipal de prevenção à AIDS e DST´s de Criciúma realizou testagens durante a oficina.