Crise no relacionamento? Uma boa viagem pode te ajudar

Crise no relacionamento? Uma boa viagem pode te ajudar

Que casal nunca passou por alguma crise? Todo relacionamento passa por dificuldades em algum momento da vida e isso é completamente normal, afinal, são duas pessoas com criações, costumes, manias e objetivos diferentes tentando dividir a vida a dois. Para viver uma relação saudável, é preciso entender que existem altos e baixos, mas, que o que faz a diferença mesmo é a forma como se lida com cada obstáculo.

Em meio a rotina, às vezes o casal se distancia sem sequer se dar conta. Cuidar do trabalho, dos filhos, dos afazeres domésticos, tudo isso toma tempo, enquanto a vida conjugal acaba ficando um pouco de lado, abrindo espaço para as brigas e desentendimentos.

A melhor forma de resolver uma situação como estas é sempre com uma boa e franca conversa. Somente assim o casal poderá ter a real dimensão do problema e analisar se trata-se de uma crise passageira, ou um ponto final na relação.

Quando ainda existe o amor, o respeito e, principalmente, o desejo de permanecer unidos, talvez seja o momento de repensar a relação e colocar tudo nos eixos novamente. É claro que o anseio por uma reconciliação não pode ferir o orgulho ou a autoestima das pessoas envolvidas, caso contrário, isso sempre será motivo para cobranças no futuro, impedindo uma solução verdadeira.

INVISTA NOS MOMENTOS A DOIS

Muitas vezes o casal tem uma vida social agitada, sempre cercados pela família e pelos amigos. Quando não, os filhos tomam boa parte do tempo e os passeios, filmes e viagens passam a ser sempre direcionadas a eles. Isso não é nenhum problema e faz parte do equilíbrio em um relacionamento saudável. No entanto, no momento de uma reconciliação pós-crise, é bom ter alguns momentos a sós.

Se você está passando por isso, que tal repensar a rotina? Um jantar romântico costuma restabelecer até os relacionamentos mais estremecidos. Deixe as crianças com alguém, compre um vinho (ou outra bebida que o casal aprecie), prepare ou peça uma boa comida e deixe o papo rolar, sem cobranças. Um filme romântico também pode ser uma boa opção para aquecer a noite (e os corações) do casal.

E que tal uma viagem? A ideia é a mesma: deixar a rotina de lado e apreciar mais a companhia um do outro. O destino fica a critério de ambos, podendo ser uma breve estadia numa pousada no litoral, ou até mesmo uma bela viagem ao exterior. Para que tudo saia perfeitamente conforme o planejado, são se esqueça de tomar alguns cuidados essenciais, como a contratação de um seguro internacional ou nacional. Afinal, você não quer que uma bagagem extraviada ou uma visita ao médico seja um agravante para a crise amorosa, não é mesmo?

Trata-se de algo muito barato quando comparado aos custos totais da viagem, mas que oferece uma série de benefícios que, segundo a Assistente de Viagem (http://assistentedeviagem.com.br/), muitas pessoas só se dão conta que deveriam ter contratado, quando precisam de usar.

Lembre-se sempre de pesquisar a acomodação e, principalmente, as avaliações dos hóspedes. É importante que o hotel escolhido fique próximo aos principais pontos turísticos ou, pelo menos, perto dos meios de transporte que levem até eles. Acredite, isso evitará muitas dores de cabeça e, de quebra, ainda economizará um bom dinheiro com locomoção.

E quem disse que mulher não pode tomar uma iniciativa como esta? Podem e devem. As mulheres modernas são decididas e donas de si o suficiente para tomar as rédeas da relação quando as coisas saem dos eixos. Portanto, não tenha vergonha e deixe a sua imaginação rolar. Priorizando o diálogo e havendo amor e compreensão, certamente as coisas voltarão a ser iguais ou até melhores do que eram antes.